fbpx

A Alimentação é uma necessidade básica, e é por este motivo que o setor é o menos impactado por crises econômicas. Um dos destaques é a alimentação fora do lar, que fechou 2018 com crescimento de 3,5%, segundo um balanço realizado pela Associação Nacional de Restaurantes. 

As perspectivas para os próximos meses também são otimistas e, ano a ano, os resultados do segmento de franquias alimentícias são positivos, o que faz desse setor uma opção rentável e segura. Se você busca investir em uma rede de franquias nesse ramo e não sabe por onde começar, confira o passo a passo abaixo.

 

 

  • Afinidade 

 

 

O primeiro passo ao escolher uma franquia é identificar se o perfil da rede em questão está de acordo com suas preferências e seus princípios pessoais. Se você é vegetariano, por exemplo, não faz sentido investir em um restaurante de hambúrguer artesanal. Embora pareça simples, essa tarefa exige autoconhecimento para unir paixão, trabalho e vocação.

 

 

  • Modelo de negócio

 

Outro ponto que deve ser levado em consideração é escolher um modelo de negócio que se adapte à necessidade da região. O ideal é avaliar o ponto e decidir se o formato será de uma franquia com opção de delivery, um quiosque, com localização em centros comerciais, etc.

 

  • Avaliação de riscos

 

 

O risco é um dos principais fatores a ser levado em conta para qualquer aplicação, mas a incerteza diminui ao se investir em um modelo de negócio já estruturado, como o caso de franquias. Além da consolidação de marca, o franqueado pode contar com suporte e assessoria oferecidos pela rede franqueadora, o que possibilita mais segurança na tomada de decisões.

 

 

  • Fornecedores confiáveis

 

Sem fornecedores confiáveis e certificados, o produto final pode ficar comprometido. Por isso, para manter o controle de qualidade, é essencial checar a procedência das mercadorias e ficar de olho se estão seguindo o padrão da franquia. Lembre-se: o modo de consumir mudou e os clientes estão cada vez mais interessados em saber sobre a origem dos itens que vão adquirir.

 

  • Dia a dia

 

 

Geralmente, associamos o trabalho no ramo gastronômico com o prazer de cozinhar e comer, mas a rotina de uma cozinha vai muito além disso: entre as atividades, estão os cuidados com a higiene, o treinamento da equipe e a segurança alimentar. Isso exige habilidades de liderança e muito comprometimento.

Você sabia que, segundo dados do instituto de pesquisa Euromonitor, o nicho de alimentação orgânica cresceu 18% nos últimos cinco anos e arrecadou 93 bilhões de reais somente em 2016 no Brasil? A Boali é a maior rede de alimentação saudável do país e possui franquias presentes em oito estados, além de contar com mais de 15 milhões de clientes atendidos desde sua fundação, há pouco mais de três anos.

 

 

%d blogueiros gostam disto: